The Traitors - Capítulo 21

| | |

Capítulo vinte e um - Preparem-se para o baile

SeuNome White P.O.V's
Na hora eu não acreditei em ver quem estava ali, estava me xingando mentalmente por ter me distraído com Liam e com a minha roupa ensopada e ter esquecido que estávamos na mesma festa que nossos pais e que não poderíamos ter sido vistos por eles mas quando percebi já era tarde demais. Minha mãe e Shirley estavam ali, as duas lindas. Elas nos olhavam esperando alguma resposta de nós dois mas eu estava paralisada enquanto Liam abria e fechava a boca pra inventar alguma coisa.
Liam: Hãm... viemos pra festa.
Shirley: Mas eu não comentei nada com você... seu pai comentou?
Liam: Sim, sim e eu quis trazer a SeuNome, espero que não tenha sido um problema.- ele disse rápido-
Lydia: E não é.- ela disse sorrindo- SeuNome nunca se interessou pelos negócios da família mas agora está parecendo estar mais ligada a tudo e isso é ótimo. Você está mudando ela e vou dizer que é pra melhor.- minha mãe colocou a mão no ombro de Liam e eu estava aliviada-
Eu:- forcei um sorriso- Eu ia ao banheiro... já volto.
Shirley: Ah nós também estávamos indo querida.- ela sorriu e entrou no banheiro seguida de minha mãe, lancei um olhar receoso a Liam e segui as duas- Nessas festas servem tanto champanhe que é realmente difícil não beber e ficar com vontade de vir ao banheiro.- ela disse parando em frente ao enorme espelho do banheiro-
Lydia: Pois é.- disse entrando em uma das cabines do banheiro e fiquei ao lado de fora sozinha com Shirley, era estranho já que minha mãe estava junto- Você está linda, onde conseguiu o vestido?
Eu: Aluguei.- menti- Você também está linda como sempre.- sorri-
Shirley: Mas parece que quem eu mais quero não dá valor.
Eu: O que?- disse confusa-
Shirley: Desculpa te dizer isso.- ela falava mais baixo agora- É que não quero que ninguém saiba que meu casamento já não é mais aquelas coisas, não acontecem elogios nem essas coisas que toda mulher gosta. Fico até surpreendida quando alguém que não seja Liam me elogie.
Eu: Eu... eu sinto muito.- qual é? A vadia trai o marido e ainda quer que o casamento não esteja abalado? Me poupe.-
Shirley:- me olhou sorrindo- Liam realmente tem sorte de ter você como namorada.
Eu: E eu tenho sorte de ele e de te ter como sogra.- e eu realmente tinha, apesar de tudo ela era uma ótima pessoa pra conversar-
Lydia: Adoro essas festas.- saiu da cabine arrumando o vestido branco e chique que a vestia, minha mãe era realmente muito gostosa e isso me deixava constrangida- Champanhe, jogar conversa fora e olhar os looks ridículos dessas mulheres me diverte.
Shirley: Com certeza.- riu e minha mãe a acompanhou- O pior são os maridos delas, tão velhos que eu acho que os brinquedinhos deles nem sobe mais.- ela disse entrando na mesma cabine que minha mãe saíra e fechou a porta- Só estão com eles por dinheiro.- ela disse um pouco mais alto mas minha mãe não respondeu-
Lydia: Que horas chegou aqui? Me disse que ia dormir na casa da Beck ou da Judy.- ela disse tirando um batom da bolsa, fui até o secador dali e tentei secar meu vestido-
Eu: Eu... eu ia mas ai no meio do caminho Liam me ligou falando dessa festa e eu consegui vir.- eu disfarcei não tirando a atenção do vestido e do vento quente que soprava nele-
Lydia: SeuNome eu sou sua mãe, não deve mentir pra mim.
Eu: Não estou mentindo, mãe.- a olhei- Se duvida de mim...
Lydia: Eu não duvido de você eu só sei quando está mentindo.- parei de secar meu vestido e a olhei, ela estava séria- E se eu descobrir que está mentindo pra mim e pro seu pai pra fazer coisa errada eu vou...
Shirley: O papel acabou.- disse saindo da cabine enquanto eu olhava pra minha mãe assustada, ela nunca havia falado daquele jeito comigo e eu estava tentando processar sua ameaça- Odeio quando isso acontece.
Lydia: Eu também.- mudou sua expressão e me olhou disfarçadamente e Deus me perdoe mas nem parecia a minha mãe-

 Saímos do banheiro e Liam ainda me esperava na porta, decidi não contar a ele sobre a minha mãe e ele nem fez perguntas do que havia acontecido lá dentro pois já sabia que nossos pais estavam amigos e esbanjando falsidade.
***
Liam: É estranho não é?- disse me abraçando por trás enquanto todos que estavam naquele salão olhavam pra um velho no palco que fazia um discurso-
Eu: O que?
Liam: Nossos pais... sabem disfarçar tão bem que eu até diria que Anne tem razão se não fosse pelas mensagens.
Eu: É mesmo, o pior é que eles estão amigos agora. Não se desgrudam.
Liam: Também pudera, os filhos deles namoram.- ele beijou meu pescoço e eu sorri-
Eu: Eu te amo.- era a primeira vez que eu dizia aquilo a ele porque agora sim eu tinha certeza que eu o amava, senti que ele sorriu-
Liam: Eu também te amo.
Eu: Desde o primeiro ano?
Liam: Desde o primeiro ano.- confirmou-
Eu: Ainda é surreal pra mim acreditar nisso. Nunca pensei que atrairia alguém como você, lindo, gostoso, cheiroso, carinhoso... 
Liam: Talvez porque você também seja tudo isso. -sorriu beijando meu pescoço -
Eu: Não fala isso se não eu te levo pro banheiro e transamos lá mesmo. 
Liam: Transar no banheiro sempre foi um dos meus sonhos com você. 
Eu: Pena que não vai ser hoje que você vai realiza-lo. - sorri e todos começaram a bater palmas e nós dois também mesmo sem estar aprestando atenção no discurso daquele homem-

 No resto da noite, todos se divertiram enquanto eu e Liam ficamos sentados na mesa esperando algo de interessante acontecer mas como já era de se esperar nossos pais não fizeram nada demais e aquilo já estava ficando bem chato. Não saia da minha cabeça a reação da minha mãe a algumas horas atrás no banheiro e agora ela agia como se não tivesse feito nada. Eu sabia que havia alguma coisa errada só não sabia o que era.

 Nas últimas semanas eu estava estressada, desde aquela festa tudo tem sido estranho com a minha mãe, ela não me trata como antes quando estamos sozinhas e isso me deixa incomodada e quero mesmo saber o porque de ela estar agindo assim. Venho me ocupando agora com a festa de aniversário de casamento dos meus pais e agora parece estar tudo perfeitamente encaixado, mês que vem vai ser o mês em que finalmente meu pai e Shirley vão ser descobertos e por falar em Shirley ela agora está mais legal que nunca, algum dia desses até sai com ela pra fazer compras e foi bem divertido. Meu relacionamento com meu pai agora está bem mais legal e até planejamos algumas coisas da festa de casamento juntos, foi divertido e o bom do meu pai é que ele pensa como eu na maioria das coisas então não teve muita briga quando ele viu como estavam ficando as coisas. Liam e eu continuamos a coletar provas sobre a traição dos nossos pais mas ainda não conseguimos nenhuma foto de beijo e Liam deu a hipotese de que talvez os dois não beijem em público e isso pode ser até verdade mas ainda não desistimos. Nosso namoro está indo bem, tudo como eu sempre quis, andamos tendo nossas brigas as vezes mas nada que um casal normal não tenha, só acho ruim os surtos de ciúmes de Liam mas confesso que até gosto de ver ele todo bravinho. Desde o dia da festa Matt anda mais próximo de mim depois de eu ter ido pedir desculpas pra ele por ter sido tão grossa e eu diria que até voltamos a ser amigos, mas sempre tem algo que atrapalha vulgo a implicância de Liam. Sadie nunca mais deu notícias e quando entreguei a carta dela para Zayn me partiu o coração, o garoto ficou todo chateado porque ela foi embora mas não havia nada que eu poderia fazer, até tentei mas ela não quis então... Mendy também mudou bastante e continua focada nas aulas, não faz mais nada que prejudique os outros, Matt até me disse que os dois também estão amigos o que é realmente meio estranho e eu confesso que as vezes eu paro e penso que eles estão armando alguma pra cima de mim pra me deixar triste mas logo deixo pra lá, deve ser mais um daqueles pensamentos idiotas e paranoicos que eu sempre tenho. Judy anda tentando descobrir quem é a prima de Abby pra descobrir onde a garota se meteu e ainda continua negando estar apaixonada mas já até admitiu que está com dúvidas sobre a sua sexualidade e que precisa de Abby pra ela ver se é mesmo lésbica o que pra mim foi mais uma desculpinha. Beck e Niall estão namorando oficialmente agora e é legal vê-los como um casal, deram até um apelido pra eles na escola: O casal transinha. Quando descobri ri horrores, mas esse apelido combina bem com eles já que se comem em qualquer lugar. Louis está se dando bem no time de futebol da escola segundo ele e andou nos contando que acha Matt um cara até legal o que é meio raro porque Louis não acha quase ninguém legal.
Niall: Ainda não acredito que tem apenas mais dois meses de aulas, se for um sonho não me acordem.- ele disse mordendo uma maçã-
Louis: Isso se você não ficar de recuperação, ai vai ter que ficar na escola até recuperar.
Liam: Com isso não preciso me preocupar.- ele disse e bebericou seu suco- Me dou bem em todas as aulas.
Louis: Me desculpa ai senhor nerd Payne.
Eu: Vocês sempre discutindo por algo que não tem importância, é Niall que vai ficar de recuperação, estamos livres disso.- eu disse e Niall me deu um tapa no braço- Dá um jeito nele Beck!
Beck: Niall não bate nela, por favor.- disse não se importando muito-

 Ficamos quietos por algum tempo, até prestei mais atenção na conversa da mesa ao lado, um estrondo de porta abrindo tomou conta do refeitório e então Valerie entrou com um microfone pra anunciar alguma coisa.
Valerie: Hollaa!
Judy: Lá vem notícia ruim.
Valerie: Foquem em mim alunos, só peço isso.- ela esperou que todos olhassem pra ela- Como sabem, as aulas acabam em dois meses e como de costume não poderia faltar o baile de encerramento!- alguns alunos gritaram de alegria- Calem-se.- eles ficaram quietos e eu ri baixo- Então garotas, aluguem seus vestidos, garotos, aluguem seus ternos ou smokings e convidem suas garotas, só entra quem tiver um par! Essa parte é mentira mas ir com um par vai te fazer ficar bem na fita.- ela disse fazendo um gesto estranho- Então é isso, até daqui três semanas, se quiserem mais informações sobre o baile tem papéis colados em todos os murais da escola. Voltem ao almoço de vocês! Qualquer conselho já sabem onde me achar... fui.- ela disse e saiu correndo do refeitório fazendo todos voltarem a conversar, agora o assunto era o baile-
Judy: Essa era a boa notícia que eu estava precisando.
Eu: Qual é? É só um baile de encerramento.
Judy: O que? Não, não é só um baile de encerramento, se você não gosta de bailes tem várias outras pessoas que gostam e uma dessas pessoas sou eu.
Beck: Pra que agir assim Judy, até parece que foi você que inventou os bailes e está puta que alguém não goste da sua invenção.- disse com a sobrancelha arqueada-
Judy: É que quando eu finalmente acho algo pra me distrair alguém sempre tem que criticar.- ela disse olhando diretamente pra mim enquanto os meninos assistiam a briga-
Eu: Mas eu nem sabia que era importante pra você, Judy.- fiz uma careta-
Judy: - suspirou- Eu só quero me distrair, me divertir e beber muito.
Zayn: Ai sim.- ele disse e os dois fizeram um toque-
Eu: Ok, Judy. Vamos ao baile, nos divertimos, bebemos e você fica satisfeita.- sorri-
Judy: Obrigada por me compreender.- fiz uma careta e ela sorriu pra mim-
Liam: Estava pensando, e se eu convidasse outra menina e você esperasse um menino pra te convidar?- ele me abraçou de lado e o olhei indignada-
Louis: Não precisa nem esperar, já está convidada por mim.
Eu: Não, essa é a proposta mais ridícula que já ouvi, principalmente vinda de você Liam.
Louis: Eu estava gostando da ideia.- o olhei e ele soltou um risinho sacana-
Liam: Foi só uma ideia, se não quiser fazer não fazemos.- ele riu e eu o encarei cerrando os olhos- Eu estou só brincando, é obvio que vamos juntos.
Eu: É claro que você está brincando porque se estivesse falando sério eu iria te enforcar.- ele me deu um selinho-
Beck:- riu- Ai como vocês me dão nojo.- ela disse se levantando e Niall se levantou junto-
Harry: Onde vão?
Niall: Beck vai me ajudar a estudar, eu não quero ficar de recuperação.
Zayn: Aulas práticas da reprodução humana.- ele e Harry riram e fizeram um toque-
Beck: Se vocês dizem quem sou eu pra discordar.
Judy: Me diga se você cria vergonha na cara sozinha ou vou ter que te doar um pouco.
Beck: Depois nos falamos.. tchauzinho.- ela disse abraçando Niall e os dois saíram dali-
Judy: Esses dois... hey a gente bem que podia sair hoje não é mesmo? O dia está agradável e a noite também vai estar.
Harry: Se a garota do tempo está dizendo quem somos nós pra discordar, não é mesmo?- ela o olhou com cara de nojo-
Eu: Me parece divertido, eu topo.
Louis: Também vou mas onde?
Judy: Um parque.- eu e Liam nos entreolhamos- 
Zayn: Ótimo, adoro parques.
Liam: Então está marcado, as oito nos vemos no parque central, vai estar lotado, sempre lota na sexta feira.
Judy: Eu não me incomodo nenhum pouco com as pessoas, eu até gosto delas.
Eu: Nossa, essa é novidade.- eu disse sorrindo-
- Hãm... oi.- disse uma voz disse atrás de mim e todos olharam ao mesmo tempo, era Matt, olhei pra Liam e ele já tinha fechado a cara-
Eu: Matt!- sorri- Oi!
Matt: Não quero incomodar vocês... SeuNome será que podemos conversar?
Continua...
OLÁ, QUEM TÁ FELIZ? EU TO! Já escutaram Drag Me Down, que musica perfeita, sofri muito socorro, o que vocês acharam da música?.. O capítulo de hoje é pra comemorar, porque só ia sair amanha, enfim, espero que estejam gostando, até mais.

Um comentário:

  1. Nao paro de ouvir Drag Me Down!!! É PERFEITA. AMEI. E O CAPÍTULO DE HOJE TA PERFEITO! CONTINUA LOGO. E AI MEU DEUS, NAO ME DIGA QUE VAI DÁ MERDA NO NAMORO LOGO AGORA?

    ResponderExcluir