Danger In Love - Capítulo 18 / 2ª Temporada

| | |
"Vingança"



Megan P.O.V's

Abri as portas do hospital de uma forma bruta e rápida. Estava desesperada, completamente em choque com as informações que recebi dentro de meia hora. A primeira pessoa que eu encontrei ao chegar foi Eleanor que estava com os olhos vermelhos e um pouco inchados. Ao saber o que realmente havia ocorrido, a perdoei por tudo e pelos xingamentos que joguei para ela por pensamento. Eu deveria ter sido um tanto mais esperta.
Eu agora estava me xingando mentalmente por ter sido tão estúpida a ponto de sempre estar acreditando mentiras. Como eu posso ser tão estúpida?

Claire: Ele estava com o copo na mão... - Disse chorosa. - A sorte era que ele havia bebido apenas um gole.
Louis: Mas você acha que um gole pode ser o suficiente para matá-lo?
Claire: Eu... Eu não sei!
Eu: Claire... - Minha prima olhou para mim e correu para me abraçar, deixando com que as lágrimas molhassem a minha blusa. Não me importei, Claire só precisava de um abraço numa hora como essas. - Vai ficar tudo bem, ok? Foi apenas um gole, talvez um golinho não vá fazer tanto mal.

Apertei-a mais contra mim, eu queria passar segurança para ela, queria que soubesse que tudo ficará bem. Louis aproximou-se e olhou para mim, deu um sorriso envergonhado e eu retribui. Eu não podia negar, estava sentindo falta desse sorriso mesmo que faça poucos dias que terminamos.
Sim, sou uma idiota, uma verdadeira idiota por acreditar em tudo. Eu sabia que Louis nunca me trairia, anos de namoro não iriam ser jogados fora, e ele não iria me abandonar, não depois que eu perdi o nosso filho.

Louis: Megan... Podemos conversar?

Assenti lentamente e separei-me de Claire, Eleanor colocou a mão em seus ombros e arrumou o cabelo de minha prima. Sussurrei um pedido de desculpas e a morena assentiu, nenhuma de nós duas tínhamos culpa do que havia acontecido. 

Eu: Louis eu lhe devo um pedido de desculpas... - Ele me interrompeu.
Louis: Não, não precisa se desculpas!
Eu: Eu não acreditei em você, eu devia saber que tudo aquilo fazia parte de um truque. Mas... Eu estava agitada, estava estressada com tudo o que vinha acontecendo. A morte da irmã de Emma me deixou assustada, JK... - Calei-me por um estante. - Kennedy pode fazer qualquer coisa.
Louis: Estaria mentindo se não dissesse que iria sentir a mesma raiva que você sentiu caso eu visse você e o Richard deitados na mesma cama completamente sem roupa. O que eu ira pensar? Claro, o mais óbvio!
Eu: O que a gente faz?
Louis: Sobre...?
Eu: Sobre JK.
Louis: Vamos pegá-lo, estou cansado de suas mensagens!
Eu: Eu tenho medo... - E foi então que eu percebi uma coisa. - Cadê a Morgan?


Kennedy P.O.V's

Não iria me livrar daquele corpo tão cedo, eu tinha que encontrar uma forma para que aqueles cretinos vissem sua 'amiguinha' morta. Era bom ver Morgan completamente sem vida na minha frente. Eu podia fazer a mesma coisa que fiz com meu tio, Will, queimar o seu corpo, mas pretendo fazer pessoas sofrerem usando aquela coisa sem vida.

Os olhos completamente em pânico de Morgan me encaravam, e eu sorri quando finalmente notei que seu último olhar fora direcionado a mim. Eu finalmente estava tendo a minha vingança, finalmente Megan estaria pegando pelo que fez comigo naquele triste dia.

Continua...
Eu queria me desculpar, mas um enorme bloquei criativo me atingiu recentemente. Eu estou conseguindo voltar ao normal, as ideias estão vindo e eu já tenho a próxima fanfic escrita. Já tenho alguns capítulos prontos para não decepcionar vocês novamente.
Me desculpe, até sábado!

Um comentário:

  1. FINALMENTE . Achei que ia desistir da fic.
    CONTINUA LOGO POR FAVOR

    ResponderExcluir