Hurricane - Cap - 19 ~Penúltimo

| | |
O desastre do Natal - A verdade vem à tona

snowflakes yee &lt,3333 - image #1627798 by lovely_jessy on Favim.com

Seu Nome P.O.Vs

     Estávamos todos reunidos na sala da casa dos meninos para comemorar o Natal, todos estávamos um pouco tristes pois essa era a primeira vez que não passávamos o natal ao lado de nossos pais e familiares, e isso apesar de cada um de nós ter voltado da casa deles na semana passada. Os meninos arrumavam a mesa e a decoração, enquanto nós meninas cozinhávamos para o grande jantar essa noite. Seria ironia do destino se eu dissesse que Violet e Niall estão meio que atraídos um pelo outro? É seria mesmo.

    Acabei de rechear o peru e o coloquei no forno para assar, Megan fazia sua famosa torta alemã e Violet cortava as frutas em vários formatos. E Becca, bem, Becca ficava experimentando pra ver se estava bom pros outros comerem, mas isso já era de se esperar dela. Sabe, Becca e Liam estão bem juntos agora, eles parecem se gostar bastante. Fico feliz já que eu e Zayn também estamos mais próximos que nunca, e isso sem falar em Megan e Harry que são os mais fofos.

         Olho pela janela e a neve cai sem parar, parece que teremos uma tempestade, de neve é claro. Estou num momento em que me sinto bem comigo mesma, Zayn e minhas amigas sabem de meu segredo e não me sinto mais injusta pelo fato de eles não saberem. Espio na sala e vejo todos sorrindo, Zayn canta enquanto põe as ultimas decorações na árvore de natal. Sorrio de ver sua felicidade, acho que esse é um dos melhores dias da minha vida, meu primeiro natal ao lado de Zayn e meus novos amigos, tenho certeza de que nada pode estragar esse dia.

        Pego a macarronada com um pano de prato e saio em direção à sala para colocá-la em cima da mesa, e é então que acontece: A pior visão que eu poderia ter em toda a minha vida. Mal percebo quando deixo a fôrma com a macarronada cair no chão enquanto uma lágrima quente escorre em meu rosto. Olho e vejo todos me olhando preocupados, fito Zayn e balanço a cabeça negativamente ao tempo que saio correndo pra fora. Isso não pode ser verdade! Por favor Deus, não deixe ser verdade!

      Corri pela parte de trás das casas da vizinhança e só o que sinto são as lágrimas se transformando de quente para gélidas conforme o vento bate em meu rosto, ouço ao longe Zayn me gritando pelo nome mais tento não dar ouvidos. Eu não posso olhar pra ele agora... Eu não... Não conseguiria. E então quando não posso mais aguentar correr, eu caio de joelhos na neve chorando como um bebê que acaba de nascer.

- (Seu Nome) o que aconteceu? - Zayn encostou a mão no meu ombro e perguntou ofegante.

- Não encosta em mim Zayn! -falo me levantando mais ainda de costas pra ele- Fica. Longe. De mim! -mando-
- (seu Nome), meu amor o que está acontecendo? Olha pra mim.
- Eu não consigo Zayn. -choro- Não posso olhar pra você.
- Por que não? Por favor não faz isso comigo.


- Você mentiu pra mim Zayn! - o acusei.
- Q-Quando? - Ele queria que eu dissesse o que era pra ter certeza, mas já sabia do que eu estava falando. Canalha.
- Eu te perguntei Zayn. -solucei- Eu perguntei se estava escondendo algo de mim e você disse que não. -eu ainda não olhava em seus olhos-
- E-Eu não podia... Não podia te contar.
- Não podia me contar? NÃO PODIA ME CONTAR ZAYN? VOCÊ NÃO PODIA ERA TER MENTIDO PRA MIM!               
- Eu tentei te contar, eu juro que tentei. Mais eu estava tão louco e apaixonado por você que eu não podia correr o risco de te perder!
-sorri debochada- Não podia me perder... -repeti pra mim mesma- Você acabou de me perder Zayn.


- (Seu Nome) por favor vamos conversar, não é tão ruim quanto parece.
- NÃO É TÃO RUIM QUANTO PARECE? -gritei- Me polpe Zayn Malik! Você sabia o tempo todo o que tinha acontecido com a minha irmã e diz que não é tão ruim quanto parece? É ruim a que ponto então? -enxugo as lágrimas- Tchau Zayn. -virei de costas.
- Não por favor. -Zayn correu e me abraçou por trás- Eu amo você.
- E eu te amava. -me soltei dele e saí correndo em direção ao nada, só... Corri-

          Eu não podia acreditar no que estava acontecendo. Eu não quero nunca mais olhar pra ele, não quero nem ouvir falar dele na minha frente. Eu tenho que ir embora daqui o quanto antes porque sei que ele virá atrás de mim. Pego o primeiro táxi que consigo e vou pra casa.

Minutos depois...

         Cheguei no apartamento e corri pro quarto, enxuguei as lágrimas e peguei minha mala de cima do guarda-roupas, começando assim a arrumar tudo rapidamente. Ouvi a porta bater e logo Megan, Violet e Becca na porta do meu quarto com expressões preocupadas.

- (Seu Nome) o que aconteceu amiga? O Zayn não para de chorar e você saiu de repente, dá pra nos explicar? -Megan falou-
- É o que aconteceu a gente ta preocupada. -Becca-
- Eu só preciso ir embora, agora! Violet você vem comigo. Megan, Becca, eu ligo assim que chegar na casa dos meus pais.
- Você não pode sair assim, é véspera de Natal! -Megan falou-
- Sinto muito meninas, eu não posso ficar. Amo vocês.

        Falei já fechando a mala e colocando no chão.

- Vou te esperar na sala Violet.
- Ta bom. -falou relutante-
- Eu te ajudo arrumar suas coisas. -Becca falou saindo do quarto com Violet-

       Megan veio me abraçar e falou:

- Eu não sei o que aconteceu entre você e o Zayn, mas saiba que pode contar comigo.
- Eu sei que posso. -falei com lágrimas nos olhos-


       Caminhei para a sala e peguei meu celular em cima da mesa, havia 14 ligações do Zayn e 6 mensagens de texto. Desliguei o celular e coloquei dentro da minha bolsa. Violet saía do quarto com Becca e as malas em mãos. Abracei Megan e Becca, me despedindo:

- Vamos sentir saudades. -Megan chorou-
- Promete que volta? -Becca perguntou-
- Prometo. -falei- Mas não sei quando.
- Ai amiga, não vai ser o mesmo sem você aqui. -Megan falou-
- Eu só preciso... Dar um tempo pra minha cabeça. Apenas isso.
- A gente te entende. -Becca falou- Liga quando chegar.
- Pode deixar. -tentei sorrir-

           E então eu e Violet pegamos um táxi para o aeroporto. Olhei pela janela e a neve caía. Tive tantas lembranças aqui, boas e ruins. Adeus Nova York.

Depois de uma eternidade, eu postei. Peço desculpas do fundo do meu coração, a culpa é toda minha e vocês tem todo o direito de não querer comentar ou abandonar a fic. Muitas vezes eu podia ter postado e não postei por falta de interesse. Estou sendo sincera assumindo a culpa e pedindo desculpas, de verdade. Boa Noite, não vou demorar pra postar o último. Beijos. -Deh♥

10 comentários:

  1. Finalmente o capítulo saiu \o/ eu ameii, coitado do Zayn

    ResponderExcluir
  2. So espero que tenha a segunda temporada....

    ResponderExcluir
  3. Amor n se preocupe q eu n vou abandonar a fanfic ok? Achei super maduro vc assumir sua culpa e falta de desinteresse em vez de mentir pra nós obrigada por isso e n abandonar o blog!! eu amo demais seu fic e posta mais por favoooor a Sn tem que perdoar o zain :)))))))))))

    ResponderExcluir
  4. Posta logo o capitulo vinte tô morrendo de curiosidade

    ResponderExcluir
  5. Loca de curiosidade pra ler o próximo capitulo =))))))))

    ResponderExcluir
  6. Hey Pode me passar o link do primeiro capitulo ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. http://imagine-1-direction.blogspot.com.br/1999/10/hurricane.html Aqui tem todos os capítulos amore^^

      Excluir
  7. Pfvr Posta o proximo se não eu morro.... Tó curiosa pra saber oque aconteceu com a irmã da (SeuNome)

    ResponderExcluir
  8. Fic linda.Quero segunda temporada viu ansiosa bjo gata :3

    ResponderExcluir
  9. Linda vc precisa postar o capitulo vinte logo se não vou morrer aqui bjs
    -nicole

    ResponderExcluir