Criminal - Capítulo 33

| | |
"Eram palavras sinceras."
"No amor alternam a alegria e a dor." - George Lord Byron.
POV Niall.

                Eu já estava cansado de ficar aqui sentado vendo todos comerem, tudo bem eu também já havia comido, mas eles ficavam conversando e de vez em quando começavam falar de Julie do nada. Eu já havia os mandado calarem a boca todas ás vezes que falavam que Julie poderia estar sendo maltratada por aquele cachorro do Alfredo. Isso me irritava demais.

- Qual é? A gente vai ficar aqui até que horas? – perguntei gritando.
- Relaxa Niall – Harry falou.
- Relaxar como? A Julie está com Alfredo! Será que você não percebe isso. Se toca caralho – falei e logo em seguida bufei.
- Niall está certo – Zayn falou – A gente não deveria ficar conversando aqui. Julie pode estar em qualquer lugar sofrendo.
- Finalmente alguém que concorda comigo – falei cruzando os braços.
- O que vamos fazer então? Não temos nenhuma pista de onde ela possa estar – Louis falou.
- Alfredo está sendo mais cauteloso dessa vez em não fazendo nenhum contato – Harry falou.
- Da próxima vez coloco um rastreador nela – falei bufando.

                Como nós poderíamos encontrá-la? A gente tinha que pensar em alguma coisa, eu tinha que esperar que Alfredo fizesse algum contato, mas provavelmente ele não faria. Não queria ser localizado novamente.

- Hey dude – escutei Harry chamar.
- Fala.
- Liam quer falar com você – disse me entregando um celular.

                Assenti e peguei o celular me levantando e me afastando deles. Caminhei para fora do restaurante e cheguei perto de uma praça que havia em frente ao mesmo.

- Pode falar Liam – disse.
- Então alguma coisa? – perguntou.
- Nada. Alfredo não fez contato nenhum – disse – e ai? Alguma novidade?
- Que coisa chata dude, eu tenho uma – falou – mas não sei se vai servir muito.
- Fala logo Liam.
- A casa de Alfredo recebeu uma ligação – falou.
- Que ligação? Conseguiu alguma informação?
- Calma dude, eu estou investigando tudo isso e... Pelo que sei está no norte da Flórida – falou.
- Como assim?
- No norte da Flórida, por enquanto eu só sei sobre isso – falou – e você vai precisar de um carro novo, a polícia de Miami esta atrás do seu carro – falou.
- Deixa que venham – dei de ombros – Acha que já devemos ir?
- É claro, sigam para o norte. Não esqueçam as armas – falou.
- Claro Liam, pode deixar – falei debochado.
- Está de bom humor é isso? – perguntou rindo.
- É melhor do que ficar pensando no que a Julie pode estar passando – falei soltando um ar pesado.
- Qualquer coisa te informo.
- Beleza, valeu Liam – disse e então desliguei.

                Me escorei em uma árvore com os braços cruzados e olhando para o parque. Havia uma mulher jovem com um homem e uma criança brincando, ambos eram jovens e estavam felizes com a garotinha. Isso me fez lembrar Nataly, eu acho que deveria de ligar para Eleanor e perguntar como ela estava.

                Disquei os números de Eleanor e esperei que ela atendesse:

- Alô? Harry?
- Não Eleanor, sou eu Niall – falei.
- Ah sim, oi Niall.
- Então como estão? Como está Nataly? – perguntei.
- Eu estou bem, já Nataly não – falou.
- O que como assim? – perguntei preocupado.
- Nataly pergunta todos os dias de Julie e de você. Ela está com saudades de ambos, ela está com febre e nenhum remédio quer abaixar sua febre. Eu já chamei um médico, ele receitou os remédios, mas não estão adiantando muito. Ela anda desanimada, fica o dia todo sentada na frente da TV assistindo, ela fica falando o nome de vocês dois sozinha e enquanto dorme também. Abraça o seu bichinho de pelúcia e então chama vocês, ela chegou chorar porque queria vocês.

                Eu não sabia o que falar. Eu só tinha que encontrar Julie logo, mas eu precisava falar com Nataly para ver se amenizava alguma coisa.

- Eleanor poderia passar o telefone para Nataly?
- Niall ela está dormindo – falou.
- Eleanor vai logo – falei e ela bufou.
- Só um minuto – falou.

                Eu só espero que Nataly melhore, não é legal ver uma criança assim. Olhei novamente para o casal com a criança e eles riam felizes.

- Alô? – escutei uma voz do outro lado que me fez despertar do meu transe.
- Oi Nataly – falei sorrindo fraco.
- Niall? Oi Niall – falou.
- Oi Nataly – falei – Você está bem?
- Eu quero você e a Julie – falou – Onde você está Niall?
- Eu... Eu estou – o que eu poderia falar para ela, falar que eu estava procurando Julie era como dizer para que ela ficasse mais mal ainda. Eu tinha que pensar em outra coisa – Eu estou no trabalho – falei.
- E a Julie? – perguntou.
- A Julie? Ela... Ela também está no trabalho – falei.
- Vocês vão voltar não é? – perguntou.
- Claro Nataly. Você me promete que vai ficar bem?
- Eu prometo, só trás Julie de volta ta bom?
- Pode deixar – sorri fraco – tchau Nataly, manda um beijo pra tia Eleanor tudo bem?
- Ta bom Niall, tchau – e então eu desliguei sorrindo fraco.

                Eu tinha que conseguir encontrar Julie. Nataly estava sofrendo com isso e eu também, eu precisava de Julie, e no final eu achava que não era por causa de Camille, era porque Julie me despertava do mundo que eu vivia no passado, ela me fazia ser uma pessoa que as vezes eu não queria ser e voltava ao meu estado normal e agressivo.

                Dei uma última olhava para o casal que brincava com a criança e corri para o restaurante onde os caras se encontravam. Eles estavam tomando refrigerante e fazendo bolhas com o canudo, eles riam igual a crianças, nem parecia que eles tinham uma arma na cintura. Revirei os olhos e depois sorri fraco indo em direção a mesa e me sentando. Peguei meu refrigerante e tomei um gole.

- Então o que Liam queria? – Louis perguntou parando de fazer bolhas em seu refrigerante.
- Falou para irmos para o norte da Flórida – falei cruzando os braços.
- Tipo que horas a gente vai? – Harry perguntou cruzando os braços sobre a mesa.
- Preciso de um carro novo – falei.
- Não seria melhor você trocar a placa dele? – Zayn perguntou.
- Também pode ser, porque aquele carro e incrível – falei.
- Então quando a gente vai ir? – Harry perguntou.
- Liam está cuidando da parte de tentar localizar a ligação – falei.
- Que ligação? – Zayn perguntou.
- A casa de Alfredo recebeu uma ligação – falei – e por enquanto Liam só sabe que fica no norte da Flórida e Alfredo não suspeita de nada.
- Estamos esperando o que então? – Louis perguntou tomando de seu refrigerante.
- Vocês ficarem brincando com um refrigerante – falei –Façam mais bolhas com o canudinho, não tiveram infância não? Nem parece que tem uma arma na cintura – falei rindo e tomando do meu refrigerante.

                Eles deram risada e então continuaram tomando do refrigerante. Eu só sabia pensar em como encontrar Julie. Como eu poderia matar Alfredo. O que iria acontecer depois que eu pegasse Julie. Quer dizer isso eu sabia, mas... Vamos lá, pensando no que eu iria fazer depois disso. Eu havia prometido que iria levar Julie e Nataly para a Irlanda, queria que elas conhecessem meus pais.

- Caralho Niall acorda para vida cara – escutei Harry falar.
- Olha só quem fala, o que saí comendo todas as garotas da cidade – falei.
- É a melhor coisa – falou sorrindo – Vamos dizer que você também era assim Niall – falou.
- Caralho em dude, tenho que concordar com Harry – Louis falou rindo.
- E quando você não concorda com o Harry – revirei os olhos e eles riram.
- O que está acontecendo cara? – Harry perguntou.
- Não está acontecendo nada – falei me levantando e saindo do restaurante.

POV Julie.

                Eu me encontrava deitada em uma cama olhando para o teto sem querer me mexer. Eu estava com dores em todo o corpo, qualquer movimento eu sentiria dor. Lágrimas escorriam pelo meu rosto e eu só queria agora que Niall conseguisse me encontrar e me tirar desse pesadelo horrível.

                Foi à ideia mais estúpida que eu já tive, tentar fugir. Agora eu me sentia mais fraca, porque eu não havia comido nada e gastei o que eu não tinha na minha tentativa de fuga que não havia dado nenhum pouco certo.

- Eu preciso de você Niall – falei sussurrando e sentindo mais lágrimas escorrem pelo meu rosto.

                Eu nunca iria conseguir sair daqui sem a ajuda dele, porque ele era quem sabia dessas coisas e eu não sabia de nada. Fechei meus olhos e fiquei pensando um pouco, me virei de lado e senti a dor me consumir. Depois de alguns minutos eu respirava devagar tentando aos poucos parar de sentir dor. Eu me lembrava da briga que eu e Niall tivemos antes de tudo acontecer. Ele havia dito que eu era uma vadia... Eu disse que ele era corno e no final eu disse que amava ele, eram palavras sinceras, com toda a certeza. Mas ele simplesmente me deu as costas e saiu, aquilo doeu. Agora eu aposto que ele não está nem atrás de mim, e quem deve estar são os meninos e ele está por ai com qualquer uma. Me doía mais ainda em pensar nisso, quando vi eu estava em soluços e me contorcendo em dor. Doía. Doía e muito pensar nisso.

CONTINUA...
Hello galera. Tudo bem com vocês? Espero que sim. Me desculpem a demora, eu fiquei fora uma semana eu acho e tals. Me desculpem. No domingo eu tive que ir em um velório e tal. Tive que acordar as 1:45 da madrugada e só fui dormir as 16:15 eu acho, e eu só havia dormido umas duas horas e meia - vocês não querem saber, eu falo demais. O carro da minha mãe quebrou, quer dizer deu uns furinhos onde coloca água e tal quando a gente estava vindo embora. Sorte a nossa que estávamos em carreirinha sabe, 4 carros. No final eu vim com a madrinha do meu irmão e minha mãe e meu pai saíram queimando pneu e tal - vocês também não querem saber, mas tenho que me explicar e tals. Obrigada pelos comentários no capítulo anterior, e desculpem a demora também, eu sinto muito mesmo. Se tiver leitora nova sejam bem vindas. Beijo e me desculpem se eu falo demais. Obrigada por tudo <3
 PS: O que acharam da capa do capítulo? Ficou boa? Sou uma iniciante no photoshop rçrçr.

10 comentários:

  1. A capa ficou linda !!! *---*
    Eu to ansiosa pra que o Niall encontre ela, espero que seja logo.
    Xx: Leeh M.

    ResponderExcluir
  2. Tudo bem, continue quando puder e eu achei a capa legal ;)
    xoxoxo Duda

    ResponderExcluir
  3. Leitora nova aq!!
    Continuaaaa, ta pfto: ))
    xxIsa

    ResponderExcluir
  4. continua, ta pft, continua logoo

    ResponderExcluir
  5. Continua por favor esta perfeito. E nao demora muito por que se não morro de curiosidade. Por sinal voce e uma otima escritora. <3

    ResponderExcluir
  6. Amoadorooooo ! Grt posta logo o cap 34 plmdds ? Prfvr <3


    XO

    ResponderExcluir
  7. Posta logoooo
    Por favorrr: ))

    ResponderExcluir
  8. C-O-N-T-I-N-U-A
    Please ♥

    ResponderExcluir
  9. ansiedade a mil aqui , meu deus niall encontra ela logo , eu quero eles juntinhos brigando ou não , eles são perfeitos juntos , amei a capa ficou linda ... não demora por favor ta muito perfeito <3 <3

    ResponderExcluir